08 August 2007

Problema no Brasil e no Japão

O ataque a moradores de rua não é coisa exclusiva de um país ou de outro. Aliás, estou começando a achar que a maldade humana está se espalhando como uma endemia. Li uma notícia no ipcdigital.com que me chocou, não só pela violência (como se não fosse suficiente), mas pela justificativa apresentada pelos envolvidos.

Cinco adolescentes foram presos sob suspeita de terem ateado fogo em um morador de rua enquanto ele dormia em um parque aqui em Tóquio. Até aí, essa cena podia ser em São Paulo, no Recife, Nova York ou qualquer outra cidade do mundo. O problema foi a “justificativa” de um deles: "Pensei que todos os mendigos mereciam ser mortos", disse o jovem de apenas 17 anos. Explicar o inexplicável já é difícil, mas essa foi demais!

O morador de rua sobreviveu. Ele conseguiu apagar o fogo ao se lançar em uma das fontes do parque, mas permanece internado.
Que mundo é esse?

4 comments:

Karina Almeida said...

lembrei da justificativa dos cariocas que espancaram a domestica. "pensamos que fosse uma prostituta".

e se fosse?? acho que esses jovens de hoje (oops! eu tb sou jovem. de 30 mas sou!) perderam a nocao...

Bruna Siqueira Campos said...

Karina, eu também! Penso que é até fácil encontrar um desajustado, mas cinco? Putz, que mundo é esse mesmo!

Margot said...

Gisele

Até aqui no Japão tem uma coisa dessas, onde está o amor no coração dessas pessoas, será falta de amor no lar.
No Rio de Janeiro, um casal saiu de uma festa em Ipanema, e foram espancados por um grupo de pessoas que estavam na festa.
O rosto do namorado vai ter que ser feito uma cirurgia. Segundo a entrevistada, a violência está piorando cada dia.
Violência gratuita, sem noção...
Um abraço da Margot

Gisele Scantlebury said...

Karina e Bruna, como disse, não tem explicação. O mundo tá muito doido! Saber o que está faltando para esses adolescentes é que é o grande mistério!

Margot, nenhuma violência se justifica, mas algumas são ainda mais complicadas de se engolir, né? Eu, heim!